Sindicato dos Professores de Universidades Federais
de Belo Horizonte e Montes Claros

Linha do tempo

Home / Linha do tempo
    • rofessores João Batista e Fernando Silva

    Década de 70:

    1977: Fundação, em 12 de novembro, da Associação dos Professores Universitários de Belo Horizonte - APUB, pelos docentes da Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG e da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas. A entidade tinha uma finalidade eminentemente política dentro do contexto de luta contra a repressão do regime da ditadura militar e de emergência do movimento docente organizado. Dois fatos foram decisivos no processo de constituição da entidade: a invasão do campus da Saúde da UFMG por policiais militares e a ameaça de agressão a um docente da PUC Minas.

    1979: É realizada a primeira Assembleia Ordinária da Associação e a eleição da primeira Diretoria Executiva e do Conselho de Representantes.

    • Manifestação Greve 1987
    • Faixa de Convocação para a Assembleia - greve 1984
    • Manifestação Campanha pelas Diretas Já - 1985
    • Manifestação Greve 1987

    Década de 80: É o período de grandes e significativas mobilizações da categoria

    1980: A Apubh participa da primeira greve nacional da categoria

    1981: A Apubh juntamente com outras associações de docentes participa da fundação da ANDES - Associação Nacional dos Docentes do Ensino Superior, em fevereiro de 1981, a partir das ADs pré-existentes, numa época em que era proibida a sindicalização de servidores públicos, e defendia, como fundamental, o princípio da autonomia em relação ao Estado, às mantenedoras, aos partidos políticos e às administrações das instituições de ensino superior. Sua estrutura, originalmente adequada às conquistas que protagonizou, tinha nas assembleias de base as principais instâncias de debate político.

    1982: É publicada a primeira edição do Jornal da APUBH com informações sobre a eleição dos novos diretores de unidades da UFMG, a criação e atuação da recém-criada Andes e discutindo a possibilidade de fechamento da Creche da Universidade.

    1984: Participa ativamente das manifestações pela democratização do país, da universidade e pelas Diretas Já.  A greve de 1984 durou 84 dias, mas sem ganhos salariais.

    1987: Os professores participam do movimento grevista que dura mais de 2 meses e que teve como um dos ganhos principais, a publicação do PUCRCE- Plano Único de Carreiras, Retribuição, Cargos e Empregos – PUCRCE – Decreto n° 94.664, de 23/07/1987, com vigência a partir de 1°/04/1987

    1989: participa da greve cuja pauta de reivindicações incluía a aposentadoria paritária com os docentes da ativa, plano de carreira única, aposentadoria integral, abertura de concursos, autonomia universitária na gestão de recursos, entre outros.

    • Operação Confins - Greve 1991 - Recepção a Deputados
    • Assembleia Geral da Greve dos Professores – 13 de agosto de 1991
    • Assembleia Geral da Greve dos Professores – 13 de agosto de 1991

    Década de 1990 


    1990: Lança a 1ª edição da  Revista Caminhos;
    Em 21 de setembro realiza com a Assufemg e o DCE,  o ato Público “Ao pé do Ipê Vermelho” para homenagear os deputados federais mineiros que foram atuantes na Constituinte e para manifestar-se em prol da educação e da ciência brasileira.

    1991: participa da greve mais longa da história (124 dias – 22 de maio a 22 de setembro) do movimento docente do país.

    1996: promove o Ato em Defesa da Universidade Pública.

    • Passeata em Montes Claros – Greve 2001 – 5 de setembro de 2001
    • Assembleia Geral dos Professores da UFMG – Greve 2001 – Auditório da Reitoria – 18/09/2001
    • Assembleia Geral dos Professores da UFMG – Greve 2001 – Auditório da Reitoria
    • Assembleia Geral dos Professores da UFMG – Greve 2001 – Auditório da Reitoria – 18/09/2001

    Década de 2000

    2004: Em  06 de julho, a APUBH recebeu a visita do então Ministro de Estado da Educação, Tarso Genro. A reforma universitária, as condições de trabalho e de pesquisa dos docentes, a falta de reajuste de salários e de recursos foram os pontos discutidos pela diretoria executiva do sindicato, a reitora da Universidade, Ana Lúcia Gazzola e o ministro durante a histórica visita.
    Em 16 de outubro, a APUBH juntamente com representantes dos docentes de 15 Instituições Federais de Ensino Superior – IFES fundou o Fórum Nacional dos Professores das Instituições Federais de Ensino Superior. – PROIFES.

    2007: No dia 10 de maio de 2007, a APUBH transformou-se em Sindicato local, desvinculando-se da Andes e assumindo um caráter mais autônomo para a defesa dos salários, carreira e inserção dos docentes na universidade e na sociedade.
    A Apubh comemora 30 anos de existência.


    2008: Em 27 de novembro realiza com o  Sindicato dos Trabalhadores nas Instituições Federais de Ensino Superior de Belo Horizonte- Sindifes/BH, o debate sobre “A implantação do Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais – REUNI na UFMG”.

    2009: Em 22 de outubro promove com o Sindifes um debate com os candidatos à reitoria da UFMG;

    • Audiência pública "O corte de verbas e o impacto nas áreas sociais e na UFMG" - 30/03/2011
    • Seminário sobre sua Aposentadoria – realizado nos dias 30 e 31 de agosto, em parceria com o Sindifes
    • 1ª diretoria do Instituto de Pesquisas em Educação – IPE fundado em 31 de março de 2012
    • 3) II Seminário sobre o Combate ao Assédio Moral, promovido em parceria com o Sindifes, DCE e PRORH

    2010: Em 23 de abril, o sindicato retoma a tradição do Happy hour;
    Em 30 de abril: inicia uma campanha de atualização cadastral e novas filiações;

    2011: No dia 30 de março, o sindicato participa de audiência pública na UFMG para discutir o corte governamental de 3 bilhões de reais nos recursos para a Educação.
    No dia 16 de maio, a sede da Apubh é transferida provisoriamente para um novo endereço. A mudança deveu-se à graves problemas na estrutura da sede, construída há mais de 40 anos e que começaram a interferir no conforto e na qualidade do serviço prestado aos filiados.


    No dia 31 de maio promove o II Seminário sobre Assédio Moral juntamente com o Sindifes, DCE-UFMG e PRORH-UFMG.


    Nos dias 30 e 31 de agosto, o I Seminário sobre sua Aposentadoria é promovido, em parceria com o SINDIFES (Sindicato dos Trabalhadores nas Instituições Federais de Ensino) e OAP (Organização dos Aposentados e Pensionistas) para discutir a previdência para aposentados, pensionistas, pessoas em processo de aposentadoria e servidores recém-contratados do serviço público federal.
    Em 23 de novembro, desfilia-se do Proifes - Fórum Nacional dos Professores das Instituições Federais de Ensino Superior.
    Em 2 de dezembro funda, em Buenos Aires, a Federação de Sindicatos de Docentes Universitários da América do Sul – FESIDUAS, juntamente com federações e sindicatos docentes da América do Sul.

    2012: Em 31 de março, a Apubh funda o Instituto de Pesquisas em Educação – IPE, juntamente com o Sindicato dos Trabalhadores nas Instituições Federais de Ensino Superior de Belo Horizonte – Sindifes/BH, o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais -SindUTE, o Sindicato dos Professores das Universidades Federais de Santa Catarina – Apufsc-Sindical, a Associação dos Docentes da Universidade Federal de Itajubá - ADUNIFEI, a Federação Nacional dos Estudantes de Escolas Técnicas - Fenet, a Associação Metropolitana de Estudantes Secundaristas de Belo Horizonte - Ames BH, a União Estadual dos Estudantes - UEE-MG, a União Nacional dos Estudantes – UNE, o Diretório Central dos Estudantes da Fundação Mineira de Educação e Cultura (FUMEC), o Diretório Central dos Estudantes do Centro Universitário da UNA.
    Na mesma data também foi fundado o Instituto de Pesquisas em Educação da América Latina e Caribe – IPE-ALC,  pela APUBH, a Federação dos Docentes Universitários - FEDUN (Argentina), a Federação de Sindicatos de Docentes Universitários da América do Sul – Fesiduas, Buro Sindical da Universidade de Havana (Cuba) e Associação Peruana: Universidade, Sociedade e Democracia- ASPERUSD.


    No dia 05 de junho promove, em parceria com o Sindifes, a 3ª edição do Seminário Sobre Assédio Moral – Denuncie!


    No dia 12 de julho lança o Movimento Docente Independente e Autônomo das Instituições Federais de Ensino (MDIA) juntamente com  representantes do Sindicato dos Professores das Universidades Federais de Santa Catarina (Apufsc-Sindical), da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Itajubá (Adunifei)  e da Associação dos Docentes da Universidade de Brasília (Adunb).


    35 anos de fundação da APUBH.

Sede: Rua Artur Itabirano, 65 - São José, Pampulha
Belo Horizonte - MG - CEP: 31.275-020
Tel.: (31) 3441-7211 - Fax.: 3441-1303
apubh@apubh.org.br
Sala Medicina: Av. Alfredo Balena, 190, Sala 31
CEP: 30.130-100 - Tel.: (31) 3226-6991

Sala ICA: Bloco C - Av. Universitária, 1000 - Montes Claros MG - CEP: 39.404-547 - Tel.: (38) 8407-0925